25 de abril de 2014

Após motorista ser esfaqueado no pescoço, rodoviários param atividade até 12h em protesto

Foto: Maxson Savelle
Rodoviários param suas atividades e protesto contra a violência, o índice a contar do início do ano e de 200 assaltos, A reivindicação da categoria é mais segurança aos transportes públicos da capital. Ontem (24), um motorista foi ferido durante um assalto.

O motorista da linha 22 (bairro de Felipe Camarão até o bairro das Rocas), da empresa Conceição, passa bem. Vítima de um assalto na tarde de ontem, na zona oeste da capital, o motorista, esfaqueado no queixo, foi socorrido para um posto de saúde e recebeu os primeiros socorros, mas ficou o trauma, segundo os colegas de trabalho. O criminoso conseguiu roubar cerca de R$ 40,00 e não foi preso.

A ação foi o estopim para a paralisação de advertência, com o objetivo de conscientizar o Governo do Estado sobre a necessidade de ampliar a segurança aos motoristas e usuários do transporte público. Ainda segundo o sindicato, somente em 2014 já ocorreram 178 em ônibus que circulam por Natal, sendo vítimas motoristas, cobradores e passageiros. 

Informações: Tribuna do Norte