11 de maio de 2014

Comissão de Mulheres se reúnem na Secretaria de Assistência Social de Macaíba buscando apoio para o Seminário de enfrentamento a violência contra Mulher

Comissão - Marcha das Margaridas
No último dia (09) as 9h, reuniram-se na Secretaria de Assistência Social do município de Macaíba uma comissão de mulheres representantes da Marcha da Margaridas ligada ao movimento sindical dos trabalhadores e trabalhadoras rurais, Ministério Público de Natal, Secretaria de Justiça e Cidadania do RN, junto com a Andréia, Secretária de Assistência social de Macaíba e Francisco Maia da Secretaria da Agricultura.

A reunião teve como finalidade firmar parceria com o município para realização do Seminário de enfrentamento a violência contra Mulher no município, com perspectiva de acontecimento ainda este mês na comunidade rural de Traíras. Macaíba poderá ser a primeira cidade a sediar este evento pelos altos índices de violência que vive a população. Na ocasião, foi acordado que a Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania conversaria com o prefeito Fernando Cunha para dialogar sobre a responsabilidade da gestão municipal sobre o tema. Segundo as representantes da comissão já havia ocorrido uma primeira conversa com Fernando Cunha. Apesar disso o prefeito não compareceu na reunião.
Andréia - Sec. de Ass. Social

A comissão de mulheres ficará acompanhando os desdobramentos da conversa entre estado e município para realização desse evento. Neste sentido o prefeito precisa apoiar um evento de extrema relevância para cidade, principalmente para as mulheres rurais. Portanto até a próxima semana iremos obter alguma informação sobre a data do evento e parte da infraestrutura como contrapartida do município.

Vale destacar que este acontecimento ocorre por meio do Pacto Nacional pelo Enfrentamento à Violência Contra a Mulher. O pacto foi lançado em agosto de 2007 pelo Presidente Lula, como parte da Agenda Social do Governo Federal e consiste num acordo federativo entre o governo federal, os governos dos estados e dos municípios brasileiros para o planejamento de ações que visem à consolidação da Política Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres por meio da implementação de políticas públicas integradas em todo o país.

Através da luta das mulheres do Estado do Rio Grande do Norte agora é parte da rede federal de apoio ao enfrentamento à violência contra a mulher. O pacto federativo foi assinado no RN no dia 07 de novembro de 2013. Agora cabe ao prefeito Fernando Cunha garantir apoio para promover ações que contribuam para amenizar a violência de gênero. Dois ônibus vão circular em áreas rurais para dar amplo acesso à população feminina. As unidades móveis possuem duas salas de atendimento, netbooks com roteador e pontos de internet, impressoras multifuncionais, geradores de energia, condicionadores de ar, projetor externo para telão, toldo, 50 cadeiras, copa e banheiro.

A participação do RN no Programa Federal visa à integração de ações estratégicas nos diversos serviços públicos voltados à classe feminina além prever a ampliação e adequação dos atendimentos especializados nos âmbitos da rede de saúde, justiça, socioassistencial, psicossocial e promoção da autonomia econômica. O suporte Federal para a execução das estratégias será feito por meio da doação de duas unidades móveis completas para acolhimento, apoio e liberdade das mulheres em situação de risco. Além de outras ações do Governo Federal, Vale lembrar o serviço de atendimento, ligue 180, é uma Central de Atendimento à Mulher, que funciona 24h por dia durante todos os dias da semana (as ligações são gratuitas).

Da redação - C.M