26 de novembro de 2014

Mulher é presa suspeita de matar músico envenenado em Parnamirim

Foto cedida - Via Portal BO
PORTAL BO: A vítima é o músico Luiz Felipe Casagrande, de 22 anos. O corpo dele foi encontrado em uma residência na rua Graciano da Luz, no bairro Nova Esperança, em Parnamirim, no dia 1º de março. Desde então, a família de Felipe já afirmava que ele tinha sido assassinado.

No decorrer das investigações, a Polícia Civil ouviu vários depoimentos e encontrou pessoas que afirmaram ter vendido veneno para Patrícia Olímpio, então namorada do músico. O delegado Ronaldo Gomes, que preside o inquérito, disse que os laudos do Instituto Técnico-Científico de Polícia encontraram substâncias de veneno no corpo da vítima, bem como na comida dele.

Além disso, também foi encontrado veneno na comida de Patrícia Olímpio que estaria com o namorado no dia em que ele morreu. No entanto, ela não havia comido o alimento envenenado. De acordo com a polícia, a substância venenosa encontrada no corpo de Luiz Felipe é semelhante a existente no veneno conhecido popularmente como “Chumbinho”.

A reportagem do Portal BO conversou com Patrícia Olímpio, que está presa no CDP Feminino de Parnamirim. A jovem nega que tenha envenenado o músico. Ela alega que não queria mais o relacionamento e Luiz Felipe que insistia, mas disse que não seria capaz de matá-lo. O delegado Ronaldo Gomes afirmou ainda que, diante das provas, vai tentar converter a prisão temporária em preventiva.