1 de outubro de 2015

Afinal, quem é o pai: Fernandím ou Sergím?

Política e Poder - Por Jefferson Lázaro

Agora é oficial, a partir da próxima legislatura, a Câmara Municipal de Macaíba passará a contar com 15 vereadores, isto é, houve um aumento de duas cadeiras.

A mudança diz respeito à aprovação da Emenda a Lei Orgânica N°01/2015, que autoriza o aumento de duas vagas no Legislativo Municipal, publicada no Boletim Oficial de ontem (30) daPrefeitura de Macaíba.

Assim como na primeira votação, apenas dois dos 13 vereadores votaram contra a referida emenda, a saber, Gelson Lima e Kátia Sena.

Contudo, apesar de ambos terem votado contra, só Kátia Sena, de fato, pode-se dizer que é contra. Por isso que só ela justificou o voto. Enquanto que Gelson Lima não teve o que dizer.

Ora, como justificar ser contrário há algo que, no fim das contas, ele seria a favor?

Independente de qual fosse seu voto, Gelson sabia que ele não iria interferir no resultado final, pois a aprovação da vergonhosa emenda já tinha sido aprovada nas negociações de bastidores, que, diga-se de passagem, é onde, de fato, as decisões são tomadas na política, longe de qualquer pressão popular.

Dessa forma, votar contra uma emenda impopular quando se sabe que quase todos os outros vereadores votarão a favor não só diz nada, como também não vale de coisa alguma. Queria ver se a votação estivesse empatada, seis votos contra e seis a favor, se Gelson Lima votaria contra. Votaria Gelson?

O prefeito, por sua vez, poderia ter vetado a tal emenda do aumento de vagas, mas preferiu aprová-la. Acho que nessas horas o prefeito se esquece da “crise” que ele tanto fala. Não é Fernando?

A propósito, crise mesmo há na Câmara de Macaíba. Trata-se de uma crise de representatividade, pois certos vereadores não sabem fazer outra coisa a não ser bajular o prefeito, quando deveriam estar defendendo os interesses do povo macaibense. Nas palavras ditas por eles, a Câmara é uma “grande família”. Só se for à família deles!

A propósito, quem seria o pai de tão “grande família”?

Resposta fácil:

O pai é Fernandím, irmão de Sergím, que como prefeito é um excelente doutor.