24 de fevereiro de 2016

Time de Macaíba é o mais antigo do país com nome de Cruzeiro

Cruzeiro de Macaíba, fundado em 08 de outubro de 1937

Por Tadeu Oliveira – Da Folha Macaíba

Segundo o pesquisador sobre futebol do Rio Grande do Norte, o radialista Marcos Trindade, o Cruzeiro Futebol Clube de Macaíba é considerado o clube de futebol com o nome de Cruzeiro mais antigo do Brasil. O Cruzeiro de Macaíba, o Espantalho do Interior, foi fundado no dia 08 de outubro de 1937 por um grupo de jovens amigos.

Cruzeiro 1972 – Em Pé: Chiquinho, Chico Pezinho, Evilázio, Arinaldo, Valério Mesquita,
Lela, Juremi, Emídio, Aluízio e Morão; Agachados: Didica, Paulinho, Ronaldinho, Ivo,
 Silvan, Zenito, Alcir, Elmo e Nivaldo – Foto: Arq/Cruzeiro F. C. Macaíba

Marcos Trindade lembrou que o Cruzeiro de Macaíba foi apelidado de “Espantalho do interior”, por dificilmente perder uma partida de futebol atuando fora da cidade de Macaíba, principalmente em Natal e Mossoró, Caicó, Ceará-mirim, Macau e Açu. “Também atuou em algumas cidades fora do estado, como Campina Grande e Fortaleza” ressaltou o pesquisador.

Trindade falou que por ter doado um terreno para construção de um estádio, o ex-prefeito José Jorge Maciel, leva o nome do estádio do clube, também conhecido como o “campo do Cruzeiro”. Situado no centro da cidade, no Parque Governador José Varela, o estádio do Cruzeiro hoje necessita de uma ampla reforma, local que deveria ser opção para jogos até da primeira divisão do campeonato estadual de futebol, caso fosse reformado.

Papa título

No tocante as conquistas desde 1937, o Azulão de Macaíba acumula 44 títulos municipais (Campeonato Municipal de Macaíba, sendo que o de 1954 foi invicto) e três títulos em nível de estado (Campeonato Amador, antigo Matutão) em 1966, 1994 e 1996.

Em pé da esquerda para a direita: Kelson Rodrigues (Batgol), Raimundo Neto,
Badéco, Isaydson, Ivisson Santos, Geoclebson Fidelis, Nêgo, Thiago, Rodrigo e
 Reinaldo (Treinador). Agachados: Costinha, Costa Gilmar (Chocolate), Diêgo,
João Paulo (Paulinho), Flavio Souza, Bruno, Renatinho, Fabrício e Wilton José.

Segundo Marcos Trindade, na era profissional, o Cruzeiro participou do Torneio Assis de Paula em 1995 ganhando certo destaque na competição. “Depois ingressou na segunda divisão estadual, competição promovida pela Federação Norte-rio-grandense, sendo vice-campeão em 2006, 2007 e 2008”, lembrou.

Revelação

Entre os atletas revelados pelo azulão macaibense, destaque para o Miguel de Lima, ex-goleiro do Vasco do Rio de Janeiro; Djalma Linhares, ex-zagueiro do América de Natal; Corinthians de São Paulo e ainda o atacante em plena atividade profissional Wallysson, ex-ABC, Botafogo do Rio de Janeiro, Cruzeiro de Minas Gerais e hoje atuando pelo Santa Cruz do Recife (PE).