3 de março de 2016

Depois de muita luta, incentivo financeiro para os agentes de saúde e endemias de Macaíba é aprovado

Agentes de saúde e edemia e vereadores comemoram a aprovação

Assecom-PMM

A Câmara Municipal de Macaíba aprovou, por unanimidade, o projeto de lei apresentado pelo prefeito Fernando Cunha que concede benefícios aos agentes de saúde e de endemias da cidade. A categoria passará a receber já na folha salarial deste mês de março.

O projeto de autoria do executivo visa à criação de um incentivo financeiro para os agentes, desta forma, os profissionais estarão ainda mais estimulados a desempenhar um grande trabalho no combate ao mosquito da Dengue.

Macaíba é uma das poucas cidades do Rio Grande do Norte a conceder o beneficio para a categoria. O presidente do Sindicato dos Agentes de Endemias do RN- SINDAS/RN, Cosmo Mariz, falou do exemplo de Macaíba. “Tenho que enaltecer a gestão municipal e todos os vereadores desta cidade, é mais uma gestão do RN que valoriza os agentes de saúde”, comentou.

Da Redação

Vale lembrar que essa e outras vitórias não foi uma dádiva do prefeito Fernando Cunha, mas fruto da luta, união e perseverança dos agentes de saúde e edemias de Macaíba. No ano passado, na greve que durou cerca de um mês, eles deram uma aula de cidadania e coragem. Apesar de todas adversidades como, por exemplo, a ameça do ponto de corte dos grevistas e as reiteradas tentativas por parte do prefeito de desqualificação da greve dos agentes de saúde e endemias.

Os vereadores da situação, que de forma cínica esbanjam sorrisos falsos na foto acima, principalmente Gelson Lima e Dr. Antônio, nada fizeram pelos agentes de saúde no momento que eles mais precisaram. Apenas Kátia Sena e Edvaldo Emídio honraram o mandato que o povo lhes deu e defenderam os interesses da categoria supracitada. Abaixo, preparamos uma retrospectiva sobre os principais fatos da greve dos agentes de saúde e endemias de 2015: 

Principais momentos da memorável greve de 2015