9 de junho de 2016

LULA: "Se for para salvar conquistas sociais, serei candidato"


Em entrevista a Al Jazeera, maior rede de televisão do mundo árabe, ex-presidente Lula reafirma que não existe nenhuma denúncia de corrupção contra ele:

“O que existe são determinadas pessoas, que eu considero alguns até bandidos, que fizeram delação premiada e disseram que eu sabia de tudo. Eu duvido que aqui no Brasil eles encontrem um empresário que diga que um dia conversou comigo sobre um peso argentino, ou um dólar americano ou real brasileiro. Eles vão ter de provar”, disse.

Sobre a disputa de 2018, sinaliza que pode voltar: "Se eu for a pessoa que possa evitar que eles destruam as conquistas que nós tivemos neste país, eu não tenho dúvida de ser candidato outra vez."

Nas pesquisas da CNT/MTA divulgadas ontem, Lula lidera em todos os cenários.