5 de julho de 2018

De Macaíba para Okinawa, Japão. Lorena Andreoli, primeira brasileira a ser aprovada no programa de doutorado OIST Graduate University


ISD: Uma de nossas concluintes mais recentes do Mestrado em Neuroengenharia do Instituto Internacional de Neurociências Edmond e Lily Safra (IIN-ELS), Lorena Andreoli, é a primeira brasileira a ser aprovada no programa de doutorado do Okinawa Institute of Science and Technology (OIST Graduate University)

"Eu estou muito feliz! Trata-se de uma universidade nova, mas que já está entre as melhores do Japão! A gente sonha com isso, mas às vezes acha que não dá conta. Só que temos que perseguir os nossos sonhos mesmo, pois eles podem se realizar! Sou muito grata às pessoas no IIN-ELS que me ensinaram que todo mundo é capaz e que a ciência é para todos!", comenta Lorena.