8 de fevereiro de 2019

Cristhiane Neves conquista medalha de bronze no Campeonato Mundial de Parataekwondo

Foto Federação da Turquia / Mais fotos Click Aqui

Representando o Brasil no Campeonato Mundial de Parataekwondo, Cristhiane Neves conquistou o bronze na categoria K44 até 58kg na última terça-feira (5). O campeonato foi realizado na cidade de Antalya (Turquia), esse foi o último Mundial antes de a modalidade fazer sua estreia nos Jogos Paralímpicos, que será na edição de Tóquio 2020. 

Cristhiane conheceu o parataekwondo em 2014 e no ano passado foi campeã brasileira e faturou o bronze no Open da modalidade, nos Estados Unidos;

"Concluímos mais um campeonato com um resultado bom tanto pra mim como.para o Brasil,com a primeiro medalha em um mundial depois que a modalidade se tornou olímpica. Agradeço aos técnicos @alanenascimento e ao @ferlatkd por confiar e me orientar em quadra da melhor forma possivel,Paula por ter feito um trabalho maravilhoso,onde nos auxiliou nas lutas. Não posso esquecer nossa fisioterapeuta @elisapilarski que fez um milagre em deixar meu tornozelo bom em menos de duas semanas e não sentir dor nas lutas,ao meu técnico e amigo @rogersantostkd que me fez acreditar que esse sonho seria possível,em me ensinar essa arte que sou apaixonada é a equipe @natalfighters;essa medalha não é minha é nossa,e de todos os atletas @nathan_torquato,@fabriciomarquestkd ,@brunomottatkd ,@alexandretkd01." (sic) publicou Cristhiane em sua rede social

"Parabenizamos a atleta e toda a comissão técnica pelo resultado histórico. Esta foi a primeira medalha brasileira em Mundiais de Parataekwondo após a inclusão da modalidade nos Jogos Paralímpicos e criação do Ranking Mundial (2015)." Confederação Brasileira de Taekwondo

Esta foi a oitava edição do Campeonato Mundial da modalidade e é a competição que agrega o maior número de pontos para a classificação para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. Ao todo, participam da competição 400 atletas, de 69 países,  quase o dobro da última edição de 2017. Sete novos países estão representados pela primeira vez: Jordânia, Arábia Saudita, Senegal, Eslováquia, Suíça, Tanzânia e Uganda. O país com maior número de atletas é a anfitriã, Turquia, com 56 esportistas.

O Brasil foi representado por seis atletas: Alexandre dos Santos, Bruno Motta, Cristhiane Neves, Débora Menezes, Fabrício Marques, Nathan Torquato. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tenha consciência do que você vai comentar.