10 de junho de 2019

Site divulga trechos de mensagens atribuídas a procuradores da Lava-Jato e a Sérgio Moro

Foto: Bruno Kelly/Reuters

O ministro Sérgio Moro afirmou nesta segunda-feira (10) que não deu nenhuma orientação nas mensagens trocadas com integrantes da força-tarefa da Lava Jato quando era juiz da 13ª Vara da Justiça Federal, em Curitiba. Ele disse que trechos das conversas não mostram nenhuma prática ilegal, ressaltou que os procuradores foram vítimas de invasão criminosa e que não pode assegurar que os diálogos sejam verdadeiros. Moro disse que não pode assegurar que os diálogos sejam verdadeiros.

Matéria na íntegra: g1.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tenha consciência do que você vai comentar.